terça-feira, 2 de novembro de 2010

LAVAGEM CASEIRA


Há quem não goste de ter trabalho. E há aqueles que gostam de realizar pequenas revisões na moto e a lavagem feita em casa com atenção não deixa de ser uma revisão. Quando você mesmo realiza tal procedimento tendi a visualizar alguns possíveis defeitos aparentes como:

Vasamentos (se houver);
Elos da corrente com defeitos (sem o rolete);
Cabos com deteriorização;
E outras pequenos defeitos aparentes.

Tem também quem ache que isso não é trabalho, é terapia. Para quem gosta de fazer a lavagem da moto em casa é muito simples, basta ter uma torneira com água (ou um lavajato), sabão neutro ou de coco, um pincel, vasilina líquida e óleo diesel.
Eu costumo desarmar a moto retirando as carenagens laterias e a do tanque, lavo com água e aplico vaselina em toda a moto, deixo que a vaselina aja por alguns minutos para desgrudar as sujeiras. Enquanto isso com um pincel e vasilha plástica aplico óleo diesel por toda a corrente, cubos, e partes onde tem mais sujeira esfregando o pincel. Depois é só enxaguar com jato forte.
Agora chegou a vez do sabão e depois enxanguo novamente. Aplico mais uma vez a vaselina líquida e com um pano úmido, enxugo toda a moto. Para finalizar passo graxa branca na corrente.

É isso aí, imagine se tudo o que fizessemos tivermos que pagar. Que espécie de homens nós seríamos?

Abraços e até a próxima!

video

Um vídeo com os passos da lavagem que faço.

Um comentário:

Júlio disse...

Opa!!! Gostei do vídeo e das dicas Leo, depois vamos conversar!
Abs